busca no site


A semiótica Peirciana e a Teoria das Representações Sociais: aplicações no campo da Comunicação

Resumo/Abstract

Imagem estilizada baseada em figuras mitológicas

Robson Borges Dias

Ana Carolina Lopes

Luiza Mônica de Assis Silva

Victor Márcio Laus Reis Gomes

Luiz Carlos de Assis Iasbeck

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar, distinguir e comparar o modelo semiótico, desenvolvido por Charles Sanders Peirce e a Teoria das Representações Sociais, de Serge Moscovici. Ambos os paradigmas atuam no contexto entre o conceito e sua percepção e buscam transformar o estranho em familiar. As duas correntes teóricas também estão cada vez mais presentes em estudos relacionados ao campo da comunicação. Como procedimento metodológico utilizou-se de pesquisa bibliográfica. Após esse estudo epistemológico, é possível concluir que tanto a Semiótica quanto a Teoria das Representações Sociais possuem afinidades e interesses comuns. Acredita-se que ambas podem contribuir para pesquisas mais profundas, sejam elas no campo da comunicação ou em outra área do saber relacionada à percepção e à cognição.

Palavras-chave: Teorias da Comunicação. Semiótica. Representações Sociais. Sentidos. Representação

Abstract

The purpose is to present, distinguish and compare the semiotic model developed by Charles Sanders Peirce and Social Representations Serge Moscovici’s Theory. Both paradigms work in context between the concept and perception seeking to transform the stranger into familiar. The two theoretical currents are also increasingly present in communication studies. As a methodological procedure we used bibliographic research. After this epistemological study, it is possible to conclude that Semiotics and Social Representation Theory have common affinities and interests. Both can contribute to researches in communication and others ​​knowledge areas related to perception and cognition.

Keywords: Theories of Communication. Semiotics. Social Representations. Senses. Representation

Paper / PDF

Download PDF

tamanho: 1.096 kb

 

Bibliografia

Referências

AMON, Denise. Representações sociais e Semiótica: um diálogo possível. In: Psicologia & Sociedade; 13(1): 13-28; Jan/jun. 2001.

BARROS, Anna Maria de Carvalho. A Arte da Percepção. Namoro Entre Luz e Espaço.  (Tese, Doutorado em Comunicação e Semiótica). PUCSP. 1996

BRAGA, Tatyanna. Representações Sociais e Comunicação Organizacional – O Espaço Conceito como Instância Discursiva. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2013

BUENO, Jaqueline da Costa. Comunicação Organizacional Informal: Boatos e Fofocas nas Mídias Sociais. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2012

CAMPANHOLE, Sidney Gomes. Linguagem visual: Percepção, cognição e suportes tecnológicos. (Tese, Doutorado em Comunicação e Semiótica). PUCSP. 2015

CAMPOS, Fábio Oliveira. Data Venia: A Linguagem Ritual do Direito e a Comunicação com os Usuários dos Serviços Jurídicos. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2013

CAVALCANTE, Aline Carla Ribeiro. O simbólico nas propagandas de viagem: uma abordagem semiótica. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2016

CAVALCANTE, Márcia Malvina Alves. Comunicação Pública como Instrumento de redução de Litígios nas relações de consumo – O tratamento das reclamações na Agência Nacional De Telecomunicações (Anatel). (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2015

CODEVILA, Juliana Senna. Imagem e Discurso: Dois lados de uma mesma moeda – Uma abordagem Semiótica da Comunicação na Caixa Econômica Federal. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2015

COELHO, Silvia Regina dos Santos. Mídia e Cidadania: um estudo da natureza comunicativa da ouvidoria parlamentar da Câmara dos Deputados. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2011

COSTA, Alcidina. O trein@ bndes on-line como recurso comunicacional: Um estudo das representações sociais na comunicação organizacional. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2016

______, Valmir. Representações sociais e semiótica: um território comum?. Em Revista Caligrama (São Paulo. Online), acesso em 09 Jun 2016.

CURVELLO. João José Azevedo.   A Comunicação Organizacional como fenômeno, como processo e como sistema, disponível em http://www.eca.usp.br/departam/crp/cursos/posgrad/gestcorp/organicom/re_vista10-11/109.pdf, acesso em 9 de junho  de 2016.

FÁVERO, Maria Helena Fávero. Desenvolvimento psicológico, mediação semiótica e representações sociais: por uma articulação teórica e metodológica, em Psic.: Teor. e Pesq. vol.21 no.1 Brasília Jan./Apr. 2005

FERREIRA, Flávia Raquel Bessa. Web 2.0: o ambiente em potencial de interatividade para a construção da comunicação pública da Embrapa Café. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2011

GLERIAN, Alessandra. Representações da indústria brasileira: as imagens de industriais e da comunidade. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2016

IASBECK, Luiz Carlos. (2008). Método Semiótico. Duarte, J. Barros, Pesquisa em Comunicação. São Paulo:Editora Atlas.

________, Luiz Carlos. Método-lógico para o estudo da Comunicação. Revista Galáxia. Revista do Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Semiótica, 2001.

_______________. O Método Semiótico de Pesquisa Científica. Usina de Letras, 2004.

JODELET, Denise (org.). As Representações Sociais. Rio de Janeiro, Eduerj, 2001.

JOVCHELOVITCH, S. . Vivendo a vida com os outros: intersubjetividade, espaço público e Representações Sociais. In P. A. Guareschi & S. Jovchelovitch (Eds.), Textos em representações sociais (pp. 63-85). Petrópolis, RJ: Vozes, 2003.

JUNQUEIRA, Maria Aparecida. Percepção e Elaboração Cognitiva. (Tese, Doutorado em Comunicação e Semiótica). PUCSP. 1997

MACHADO, Letícia Costa Mattos Oliveira Machado. Um estudo sobre a proliferação da informação na era das novas tecnologias. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2010

MARCONDES, Danilo. JAPIASSÚ, Hilton. Dicionário Básico de Filosofia. 3ª Ed, Revista e ampliada. Editora Jorge Zahar, Rio de Janeiro, 2001.

MARKOVÁ, I. Dialogicidade e representações sociais: as dinâmicas da mente. Tradução de Hélio Magri Filho. Petrópolis: Vozes, 2006.

MENEGHETTI, Sylvia Bojunga. Comunicação e Marketing: Fazendo a Diferença no Dia a Dia de Organizações da Sociedade Civil. São Paulo: Editora Global, 2001.

MENEZES, Roberta Oliveira Teles de. Comunicação de Crise: um Aporte Semiótico Cultural. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2014

MOSCOVICI, Serge e VIGNOUX, G. O conceito de Themata. In: MOSCOVICI, S. Representações Sociais: investigações em psicologia social. Trad. Guareschi: Petropólis, RJ: Vozes, 2003.

___________, Serge. A Representação Social da Psicanálise. Rio de Janeiro: Zahar, 1978.

__________, Serge. Representações Sociais: investigações em psicologia social. Petrópolis: Vozes, 2003.

NOTH, Winfried. Panorama da Semiótica – de Platão a Peirce. São Paulo: Annablume, 1995.

___________.Semiótica do século XX. 3.ed. São Paulo: Annablume, 2005

PAVARINO, Rosana Nantes. Teoria das representações sociais: pertinência para as pesquisas em comunicação de massa. Trabalho apresentado no Núcleo de Teorias da Comunicação, XXVI Congresso Anual em Ciência da Comunicação, Belo Horizonte/MG, 02 a 06 de setembro de 2003.

___________, Rosana. Teoria das representações sociais: pertinência para a pesquisa em comunicação de massa. Comunicação e Espaço Público (UnB), v. 2004: 128-141, 2004.

PEIRCE, Charles Sanders. Semiótica. 2. ed. São Paulo: Perspectiva, 2000.

PEREIRA, Fernanda Mendes Santiago. Gestão da comunicação em marcas contemporâneas: um estudo semiótico da dinâmica sistêmica da complexidade na gestão de marcas. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2010

PORTO, Detley Moreira. Campanhas de Vestibular No Facebook: Uma Abordagem Mercadológica e Semiótica. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2015

ROSA, Cynthia da Silva. Quem vem lá: traços identitários de linguagem hipermídia entre ingressantes de graduação em comunicação. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2013

SÁ, C.P. A construção do objeto de pesquisa em representações sociais. Rio de Janeiro: EdUERJ, 1998.

SANTAELLA, Lucia; NÖTH, Winfried. Comunicação e semiótica. São Paulo: Hacker Editores, 2004.

___________, Lúcia. O que é semiótica. São Paulo: Brasiliense, 2012.

___________, Lucia. Percepção. Fenomenologia, ecologia, semiótica. 1. ed. São Paulo: Cengage Learning, 2011. v. 1. 146p .

___________, Lucia. Percepcão: Uma Teoria Semiotica. Sao Paulo: Experimento, 1993.

___________, Lucia. A percepção como alvo da arte. In: Anna Barros. (Org.). A arte da percepção. : , 1999, v. 1: -.

___________, Lucia. Charles Sanders Peirce: Uma Teoria Triádica da Percepção. 1989. (Apresentação de Trabalho/Outra).

SILVA, Luiza Mônica de Assis. Contribuições da Teoria das Representações Sociais para o Campo Comunicação Organizacional: reflexões teóricas e metodológicas, Revista Comunicologia, v. 7: 115-128, 2014.

SILVA, L. M. A. Várias Faces de uma mesma moeda: representações da responsabilidade social em um banco público brasileiro, 2011. (Tese de Doutorado). Programa de Pós-Graduação em Psicologia.

______________.Contribuições da Teoria das Representações Sociais para o Campo Comunicação Organizacional: reflexões teóricas e metodológicas. Trabalho apresentado ao Grupo de Trabalho Comunicação em Contextos Organizacionais do XXI Encontro da Compós, na Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, de 12 a 15 de junho de 2012.

SOUZA, Vânia. O cenário comunicacional do hospital da criança de brasília josé de alencar sob a perspectiva da comunicação terapêutica. (Dissertação, Mestrado em Comunicação). UCB. 2016.

 

 

  • RSS
  • email
  • Digg
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • MySpace
  • Netvibes
  • StumbleUpon
  • Tumblr
  • Twitter