busca no site


Design participativo e Semiótica no contexto prisional: uma análise de estampas desenvolvidas em um processo de design participativo na APAC Santa Luzia

Resumo/Abstract

Taís Falabella Ricaldoni

Sérgio Antônio Silva

Edson José Carpintero Rezende

Resumo

Um processo de design participativo realizado na Associação de Proteção eAssistência ao Condenado (APAC) de Santa Luzia desenvolveu duas estampas paraecobags. Essas estampas foram totalmente concebidas, desenhadas e idealizadaspor presos que cumprem sua pena nesse modelo alternativo representado pelaAPAC. Assim, o objetivo deste artigo é compreender os sistemas de signifcaçãopresentes nestas estampas e as mensagens que elas podem transmitir. Para tal, foirealizada uma pesquisa teórica sobre o contexto prisional da APAC e princípiosda semiótica. Essa base fundamentou a etapa seguinte de análise semióticadas estampas desenvolvidas na APAC. Observou-se que as duas estampasatingiram seu objetivo de comunicação, porém com abordagens distintas..

Palavras-chave: Análise Semiótica. Estampas. Design. Prisão. APAC.

Abstract

A participatory design process conducted at the Protection and Assistance tothe Condemned Association (APAC) of Santa Luzia has developed two printsfor ecobags. These prints were totally designed and idealized by prisoners whoserve their sentence in this alternative model represented by APAC. Thus, thepurpose of this paper is to understand the systems of signifcation present inthese prints and the messages they can convey. For that, a theoretical researchwas carried out on the prison context of APAC and the semiotics principles.This basis based the next stage of semiotic analysis of the prints developed inthe APAC. For that, a theoretical research was carried out on the prison contextof APAC and principles of semiotics. This basis grounded the semiotic analysisstage of the prints developed in the APAC. It is observed that the two printsreached their goal of communication, but with different approaches..

Keywords: Semiotic Analysis. Design. Stamps. Prison. APAC.

Paper / PDF

Download PDF

 

Bibliografia

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

 

ASSIS, R. D. A Realidade Atual do Sistema Penitenciário Brasileiro. Revista CEJ, Brasília, Ano XI, n. 39, p. 74-78, out./dez. 2007.

BARTHES, R. Elementos de Semiologia. São Paulo: Cultrix, 2006.

BARTHES, R. O óbvio e o obtuso. Rio de Janeiro: Nova fronteira, 1990.

CARDOSO, R. Design, cultura material e fetichismo dos objetos. Arcos, Rio de Janeiro, Programa de Pós-graduação em Design da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, v. 1, n. Único, 1998.

DOMINGUES, F. Design, cultura e semiótica: em direção a um modelo de análise das variáveis semântico-cultural [manuscrito]. Dissertação de Mestrado: Universidade do Estado de Minas Gerais, Belo Horizonte: 2011.

IDEO. HumanCentered Design toolkit: an open‐source toolkit to inspire new solutions in the developing world. 2ª edição: 2011. Disponível em: <http://www.epah.org.br/ wpcontent/uploads/Kit‐Ferramentas‐EJAF‐Final‐1903.pdf> Acesso em: junho, 2016.

LANGLEY, J. Participatory design: co-creation | co-production | co-design combining imaging and knowledge. Knowledge Utilisation Colloquium, Llandudno, Wales, jul, 2016.

MARTINS, I. F. H. Semiótica peirceana como fundamento teórico-metodológico do design para a concepção gráfica de marcas [manuscrito]. Dissertação de Mestrado: Universidade do Estado de Minas Gerais, Belo Horizonte: 2016.

NIEMEYER, L. Elementos de semiótica aplicados ao design. 2. ed. Rio de Janeiro: 2AB, 2007.

OTTOBONI, M. Meu Cristo, estou de volta! Pastoral carcerária aplicada no revolucionário sistema APAC. 2. ed. São Paulo: Paulinas, 1984.

OTTOBONI, M. Vamos matar o criminoso? Método APAC. São Paulo: Paulinas, 2006.

PIGNATARI, Décio. Informação, Linguagem, Comunicação. Cotia, São Paulo: Ateliê Editorial, 2008.

PINTO, J.; NOVA, V. C. Algumas semióticas. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2009.

SANDERS, E. B., STAPPERS, P.J. Co-creation and the new landscapes of design. CoDesign: International Journal of CoCreation in Design and the Arts, 4(1), 5-18, 2008. Disponível em: <www.maketools.com/articlespapers/ CoCreation_Sanders_Stappers_08_preprint.pdf> Acesso em: dezembro, 2016.

SANTAELLA, L. Semiótica aplicada. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2005.

SILVA, W. G. da. Lazer e juventude encarcerada: tensões entre trabalho, disciplina e práticas culturais em uma unidade prisional da APAC [manuscrito]. Dissertação (Mestrado): Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional, 2014.

TJMG – Tribunal de Justiça de Minas Gerais. Cartilha do programa novos rumos. Dezembro, 2011. Disponível em: <http://ftp.tjmg.jus.br/presidencia/ programanovosrumos/cartilha_apac.pdf>. Acesso em: novembro, 2016

TJMG. Programa Novos Rumos, Poder Judiciário, Belo Horizonte, MG, 30 de novembro de 2009. Disponível em: <http://www.tjmg.jus.br/portal/acoes‐e‐programas/novosrumos/apresentacao/ >. Acesso em: 22 de maio de 2015.

VEYL, R. S. B. Entre o fato e o discurso: o método APAC e sua efetividade no cenário brasileiro. Alethes: Per. Cien. Grad. Dir. UFJF, v. 06, n. 11, pp. 268-286, mai/ago, 2016.

 

 

 

 

 

  • RSS
  • email
  • Digg
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Google Bookmarks
  • LinkedIn
  • MySpace
  • Netvibes
  • StumbleUpon
  • Tumblr
  • Twitter
 میز اداری صندلی مدیریتی صندلی اداری تبلیغات کلیکی میز تلویزیون پاراگلایدر آگهی رایگان محسن چاوشی مسیح و آرش آهنگ جدید لباس زیر شورت زنانه خرید اینترنتی وبلاگدهی گن لاغری